Independiente denuncia Flamengo à Conmebol por incidentes

Torcedores invadiram o Maracanã

Em carta divulgada no início da tarde desta quarta-feira, o Independiente denunciou, à Unidade Disciplinária da Conmebol, a confusão ocorrida na noite desta terça-feira. O clube argentino pede “emissão de ordens em relação aos incidentes nas imediações do hotel onde se encontra concentrada” a equipe no Rio de Janeiro. Na ocasião, torcedores do Flamengo entraram em confronto com torcedores argentinos, seguranças e polícia que estavam no local, na Barra da Tijuca.

Na ocasião, torcedores do Flamengo entraram em confronto com torcedores argentinos, seguranças e polícia que estavam no local, na Barra da Tijuca. O Independiente também culpa a força policial local que, segundo o clube, não estava em número suficiente.

– Como é de público conhecimento e foi divulgado extensamente pela imprensa e nas redes sociais, (…) vários grupos organizados de simpatizantes do Flamengo cometeram atos de violência e agressão, com múltiplos incidentes, com nossa delegação e contra nossos torcedores (…). Esses incidentes se potenciaram, sem dúvidas, pela deficiente ação da polícia local e a ausência de um dispositivo de segurança adequado para a ocasião – escreve o time argentino.

Ainda nesta terça, logo após os incidentes, a Conmebol usou sua conta oficial no twitter para condenar os atos de violência e pediu uma festa com paz e respeito aos riviais. Na manhã desta quarta, a entidade confirmou que sua Unidade Disciplinar abrirá um procedimento para investigar os fatos ocorridos.

O Regulamento Disciplinário da Conmebol prevê, em seus artigos 6º, punições a clubes por incidentes semelhantes aos ocorridos nesta terça. O documento diz que “as associações nacionais e clube são responsáveis pela segurança e ordem tanto no interior como nas imediações do estádio, antes, durante e depois da partida da qual sejam anfitriões ou organizadores. Essa responsabilidade se estende a todos os incidentes que, de qualquer natureza, possam suceder, encontrando-se por eles expostos à imposição de sanções disciplinares e cumprimento de ordens e instruções que possam adotar pelos órgãos disciplinares”.

Confira a carta completa do Independiente:

O Club Atlético Independiente, clube argentino filiado à AFA, com domicílio na Av. Mitre 470, Avellaneda, representado pelas autoridades que assinam no pé, vem pela presente formular à Unidade Disciplinária a seguinte denúncia e pedido de emissão de ordens em relação aos incidentes sucedidos na noite de ontem, madrugada de hoje, nas imediações do hotel onde se encontra concentrada nossa equipe e em outros pontos da cidade.

Como é de conhecimento público e foi refletido extensamente nos meios de imprensa e nas redes sociais, na noite de ontem até a madrugada de hoje, vários grupos organizados de torcedores do Flamengo cometeram atos de violência e agressão, com múltiplos incidentes, contra nossa delegação e contra nossos torcedores, concentrando-se grande parte das agressões no hotel onde a delegação está concentrada, mas com incidentes em outras áreas da cidade também. Estes incidentes, nada isolados, se potencializaram sem dúvidas pelo deficiente acionamento da polícia local e a ausência de um dispositivo de segurança adequado para a ocasião.

As condutas assinaladas mancham a partida final e mais importante da competição e não apenas afetam a nossa instituição e a nossos torcedores, mas também lesionam a imagem da Conmebol e do futebol sul-americano, e não podem ser toleradas, muito menos no marco de uma final continental. Em conformidade com as disposições aplicáveis, tanto a responsabilidade pela conduta dos torcedores como o deficiente operativo de segurança recaem sobre o clube Flamengo.

O deficiente acionamento das forças de segurança e a ausência de pessoal de segurança privada suficiente permitem presumir que estes incidentes possam se repetir e até se agravar. Em consequência, solicitamos que a Unidade Disciplinária emita de modo urgente as ordens que considere adequadas para a fim de garantir a segurança da delegação do Independiente e de nossos torcedores antes, durante e depois de disputado o encontro.

Além das ordens solicitadas, se requere da Unidade Disciplinária a abertura de um procedimento contra o Flamengo pelos referidos incidentes a efeitos que se imponham ao clube as sanções que os feitos assinalados merecem e que evitem que no futuro se produzam incidentes similares em torneios da Conmebol.

Em tal sentido, nos reservamos ampliar a denúncia nos próximos dias, fornecendo as provas pertinentes, sem prejuízo do poder da Unidade de agir de forma oficial diante antes dos fatos embaraçosos públicos e notórios.

Aproveitando a ocasião, os saudamos com a mais distinta consideração,

Clube Atlético Independiente

LEA MAIS:

Em carta, Independiente denuncia Flamengo à Conmebol por incidentes. (2017, December 13). Retrieved from https://globoesporte.globo.com/futebol/copa-sul-americana/noticia/em-carta-independiente-denuncia-flamengo-a-conmebol-por-incidentes-no-rio.ghtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *